Gilberto - Giba
Não há ninguém, mesmo sem cultura, que não se torne poeta quando o Amor toma conta dele.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos


Merecimento... algo de tamanha grandeza em seu singelo significado, somos aquilo que merecemos, temos aquilo que merecemos, sofremos o tanto que merecemos, choramos por que merecemos, mas será?
É o mais profundo questionamento que faço agora em minha vida, e percebo que este questionamento aflora quando algo bom acontece, já que quando algo ruim acontece, vem a afirmação: Eu merecia mesmo.
Revisar nossos conceitos é fundamental para que possamos viver em plenitude, viver os verdadeiros merecimentos desta dança orquestrada que nos reveste nesta dimensão transitória que chamamos de vida.
Inquietudes em forma de armadilhas vão nos preenchendo de merecimentos negativos, nos sugando a cada suspiro, nos fazendo pequenos diante de nós mesmos e por maior que seja o mérito da conquista, vem sempre o questionamento: Será que eu mereço?
Temos que aprender com as derrotas e vibrar nas vitórias, temos que entender que somos merecedores daquilo de bom que semeamos e nossa vibração positiva nos impulsiona a sermos ainda melhores e mais merecedores.
Ouça a voz do coração que grita aos quatro ventos: Você merece, o mérito é todo seu, simplesmente por ser você...
Gilberto Holovatino
Enviado por Gilberto Holovatino em 23/05/2018
Alterado em 23/05/2018

Música: Peia - Desconhecido

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Gilberto Holovatino). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários